Culto todos os domingos às 19:30h.
Rua Vital, Nr 316, Quinta dos Vinhedos, Bragança Paulista, SP
rei-salomao-e-o-bebe

#palavrasnocaminho – A sabedoria

A SABEDORIA

 “Os caminhos da sabedoria são caminhos agradáveis, e todas as suas veredas são paz.”
Provérbios 3:17

rei-salomao-e-o-bebe

 O livro de Provérbios de Salomão menciona várias explicações sobre benefícios advindos da sabedoria. O livro registra que a sabedoria possibilita uma vida longa para quem a tem, possibilita também riquezas, honra e paz. No contexto do capítulo 3, o escritor descreve o valor da sabedoria, comparando-a a metais preciosos, que eram muito valorizados naquela época e ainda continuam sendo. Vivemos em um mundo imperfeito, onde a criação de Deus sofre as consequências diretas da queda do ser humano, quando este desobedeceu ao Criador.  Vivemos em um mundo caótico, onde o ser humano está em guerra permanente, sem paz com seu semelhante, sem paz em seu coração. No versículo em destaque, Salomão menciona “os caminhos da sabedoria”, como “caminhos agradáveis” que possibilitam a paz.

 A sabedoria que Salomão menciona não é baseada em um conhecimento humano, nem tão pouco, um conhecimento que possa ser adquirido através de um processo educacional em uma escola. Salomão durante seu reinado foi considerado um Rei sábio e teve que tomar decisões que vinham de Deus sobre sua vida.

A sabedoria enfatizada pelo sábio Rei Salomão é advinda de uma vida de obediência a Deus, de relacionamento com Deus e submissão à Sua Vontade, conforme podemos observar neste mesmo capítulo 3,  do livro de Provérbios, versos de 5 até 7: “Confie no Senhor de todo o seu coração e não se apoie em seu próprio entendimento; reconheça o Senhor em todos os seus caminhos, e ele endireitará as suas veredas. Não seja sábio aos seus próprios olhos; tema ao Senhor e evite o mal.”

 Confiar em Deus, implica não apenas em crer em Deus!

A Bíblia, no Novo Testamento, registra que até mesmo os demônios creem em Deus, mas certamente eles se rebelaram contra Deus e não mantém nenhum relacionamento com o Criador. Vejamos o que o livro de Tiago no capítulo 2, verso 19 menciona sobre a crença dos demônios em Deus: “Você crê que existe um só Deus? Muito bem! Até mesmo os demônios creem — e tremem!”

Isto significa:- que não basta apenas crermos em Deus religiosamente, seguindo algum líder humano, alguma instituição humana, regras de uma religião, ou até mesmo realizarmos rituais, preceitos religiosos, se Cristo não estiver em nós e agindo em nosso coração. Quando Salomão registra:- “confiar em Deus de todo o coração” ele está dizendo para entregarmos nossa vida para Deus, em todas as áreas de nossa vida, não apenas na área religiosa. 

Confiar em Deus de todo o coração, significa entregarmos nossa vida para Deus de forma completa, sem reservas, permitirmos que Deus cuide de nós, como um Pai cuida de seu filho. Salomão menciona uma condição para que esta entrega e confiança em Deus aconteça de forma plena na minha vida: – para eu não me apoiar no meu próprio entendimento.

1

Quando Deus nos chama para uma vida de relacionamento com Ele, onde poderemos usufruir da sabedoria que vem Dele, precisamos deixar nossos preconceitos.

Todos nós, antes de conhecermos a Deus de uma forma pessoal e relacional, tínhamos algumas ideias erradas do que é ser cristão, do que é seguirmos a Deus.

Então, precisamos confiar em Deus (entregarmos nossa vida sem reservas para Deus cuidar), esquecermos nossos preconceitos religiosos e tudo o que aprendemos, que não nos levará a Sua Presença.

A consequência desta entrega, desta visão de confiança em Deus e vida pela fé, possibilitará que Deus aja na minha vida, no tempo e no espaço e mude a minha história: e ele endireitará as suas veredas. 

Viver com Deus é algo prazeroso. Caminhar com Deus esta vida será algo agradável. Quem não conhece a Deus, certamente pensa ao contrário, achará que ser cristão é algo penoso, cansativo, enfadonho. Porém, quando conhecemos a Deus em um relacionamento de comunhão e oração, experimentaremos o poder do Espírito Santo, agindo em nós, trazendo paz, possibilitando que avancemos na caminhada da vida.

happy-people

Como posso receber esta sabedoria de Deus? Crendo que Jesus Cristo morreu de forma sacrificial em meu favor, pagando a dívida dos meus pecados, trazendo perdão e paz ao meu coração, possibilitando que Deus se relacione comigo. A sabedoria que Deus nos possibilita não é uma sabedoria religiosa, ligada a histórias humanas, rituais praticados em alguma religião.

A sabedoria de Deus, vem quando eu creio na mensagem da cruz, na mensagem da salvação de Jesus Cristo. Somente esta mensagem é suficiente! Cristo é suficiente para minha vida, e mais ninguém!

shutterstock_105822167

O apóstolo Paulo, registra no Novo Testamento, em 1 Coríntios 1:18-24:  “Pois a mensagem da cruz é loucura para os que estão perecendo, mas para nós, que estamos sendo salvos, é o poder de Deus. Pois está escrito: “Destruirei a sabedoria dos sábios e rejeitarei a inteligência dos inteligentes”. Onde está o sábio? Onde está o erudito? Onde está o questionador desta era? Acaso não tornou Deus louca a sabedoria deste mundo?
Visto que, na sabedoria de Deus, o mundo não o conheceu por meio da sabedoria humana, agradou a Deus salvar aqueles que creem por meio da loucura da pregação. Os judeus pedem sinais miraculosos, e os gregos procuram sabedoria; nós, porém, pregamos a Cristo crucificado, o qual, de fato, é escândalo para os judeus e loucura para os gentios mas para os que foram chamados, tanto judeus como gregos, Cristo é o poder de Deus e a sabedoria de Deus.

Alguns pontos que o apóstolo Paulo destaca:

  1. Paulo registra que a sabedoria promovida por Deus, quando Cristo veio ao mundo e morreu em nosso lugar, é loucura para a humanidade, mas quando compreendemos este fato em nosso coração, certamente a luz de Cristo se acende em nós, conseguimos enxergar o mundo, bem como tudo ao nosso redor, com a visão de Deus e não mais com nossa visão humana deformada pelo pecado;
  2. A sabedoria de Deus não é alcançada pelo conhecimento religioso, pela sabedoria humana: somente Cristo possibilita Deus agir em nossos corações e transformar diariamente nossa existência e realidade de vida;
  3. O mundo na época que Jesus esteve aqui: os judeus pediam sinais para crerem em Cristo (e Jesus realizou alguns milagres), os gregos procuravam a Deus pelo conhecimento humano, pela sabedoria adquirida através de filósofos e outras fontes de sabedoria;
  4. Nós os escolhidos, quando entendemos a mensagem da cruz, quando somos chamados por Deus pela cruz experimentaremos o poder de Deus em nossas vidas, nos transformando, agindo em nosso favor, através deste relacionamento de salvação em Cristo, que promove paz em nosso interior, e vida eterna quando nosso tempo por aqui acabar.

Fica fácil compreendermos que Cristo é a sabedoria de Deus para nossas vidas, quando Ele mesmo pronunciou, no evangelho de João 14:6: “Respondeu Jesus: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai, a não ser por mim.” 

cross-sun

Cristo poder e sabedoria de Deus nos chama para andarmos Nele, apenas uma vida de seguidor dos princípios de Cristo, poderá produzir paz em nosso interior, permitirá que desfrutemos da verdade de Deus para nossas vidas, ainda nesta existência, possibilitará uma vida plena, diferenciada da maior parte das pessoas que vivem como se Deus não existisse.

Reflita: A sabedoria de Deus é Cristo agindo em nossa vida! (em nosso comportamento). Quando confiamos nossa vida para Deus cuidar, através da mensagem da cruz, crendo em Jesus como nosso Salvador pessoal, então, viveremos uma vida de dependência diária e comunhão com Deus, poderemos reescrever nossa história de vida, nossos sonhos, confiados no Pai Celestial. Mesmo, quando as circunstâncias ao nosso redor não forem as mais favoráveis, ainda assim, nossa alegria, nossa paz virá da comunhão com o Criador e não o que sentimos, o que vemos. Seja feliz com Cristo em sua vida!

 Pr. Luiz Francisco Contri

Um comentário

Adicionar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *